Publicador de Conteúdos e Mídias

CA

Concilia 360: Como encantar o cliente na gestão financeira

Gabriela Dobner

                                                                     Concilia 360: Como encantar o cliente na gestão financeira

Uma rede de varejo aceita diversos meios de pagamentos em seus vários pontos de venda - dinheiro, cartões de crédito e débito, vouchers, aplicativos, carteiras digitais, PIX, entre outros – e monitora essas vendas, checando se todas estas entradas de recursos batem, com seu caixa e com a conta bancária. Paralelamente, uma equipe da Brink’s analisa as divergências que possivelmente podem ocorrer na conciliação e faz as tratativas destas junto às operadoras de cartões, transportadoras de valores e demais parceiros. 

É este trabalho que tem encantado os clientes do Concilia 360°, um serviço que permite a gestão completa de recebíveis, controle e monitoramento de incidentes junto a operadores de cartões, transportadoras de valores ou qualquer outro parceiro de negócio, agilizando e centralizando a gestão dos recebíveis no processo de conciliação. Com ele, é possível acompanhar os valores recebidos desde o momento da venda, passando pelo parceiro de negócio, até o crédito em conta, eliminando vendas não conciliadas.

“Nós não entregamos apenas uma plataforma tecnológica de conciliação. Nós entregamos 100% de sua conciliação”, afirma Fernando Gonçalves, gerente de Contas Corporativas Nacionais, Inside Sales e do Concilia 360° da Brink’s. “Temos um time de BPO que detecta e trata as divergências. O varejista, muitas vezes, não tem equipe suficiente para fazer essa conciliação funcionar de forma amigável. As soluções de mercado começam a apontar as possíveis divergências, mas ele não vai corrigindo e chega uma hora em que não consegue suprir essa necessidade de acompanhar a conciliação como um todo. O fato de nós entregarmos esse serviço e tratarmos essas divergências é um grande diferencial.”

De acordo com Gonçalves, a conciliação consiste na varredura de três pilares. O primeiro é o estabelecimento, em que são consumidas todas as vendas que nasceram no PDV/ Plataforma E-Commerce. O segundo pilar é o parceiro de negócios, no qual são garantidos que valores, taxas e datas estão corretos. Por último, o banco, em que são checados se o que foi conciliado anteriormente foi creditado na conta corrente.   “Nós varremos o estabelecimento, o parceiro de negócio e a conta corrente. Isso é diferencial. O que mais encanta é o BPO e a ferramenta de integração dos sistemas da empresa: sistemas de venda e de gestão”, completa.

O time do Andorinha Hiper Center diz que a plataforma garante a rastreabilidade e a acuracidade de informações. “O modelo de relatório nos proporciona bater os olhos nos indicadores. Pode-se identificar rapidamente quais as ações devem ser tomadas para corrigir o processo. ”.

Gonçalves explica ainda que os clientes devem estar sempre atentos às perguntas: “Tenho certeza de que as taxas praticadas no dia a dia estão corretas? Tenho certeza de que estão pagando corretamente meus recebíveis? Tenho problemas para lançar essas informações? “O Concilia 360° tem um papel fundamental como ferramenta de auditoria, levando todos os resultados ao sistema de gestão ERP de forma simples e objetiva às contas contábeis.

More from our insights library:

Brink's leva a digitalização do dinheiro para a Apas 2024 e supera expectativas

Acesse aqui para saber mais

Ler Mais

Brink’s anuncia seu novo Diretor Presidente no Brasil

Acesse aqui para saber mais

Ler Mais

Viagem ao exterior: qual o limite de dinheiro que posso levar?

Acesse aqui para saber mais

Ler Mais